Dicas de Viagem

Saiba como comprar passagens aéreas baratas ou em promoção

A primeira dica deste post é ficar atento às novidades do Eu amo Viagem!

A seguir eu vou compartilhar algumas dicas super importantes do site Melhores Destinos para você ficar por dentro de como comprar passagens aéreas baratas ou em promoção.

A compra das passagens aéreas é o primeiro passo para viajar por conta própria, sem pacotes de viagem. Isso tem uma explicação bem simples: para qualquer lugar do mundo em que você for viajar haverá algumas dezenas de opções de hospedagem (às vezes centenas!) e somente poucas companhias aéreas na rota escolhida. Dessa forma é muito mais fácil obter um bom preço de hospedagem após comprar a passagem do que o contrário.

Saiba como comprar passagens aéreas baratas ou em promoção

As passagens, aliás, podem colaborar até na escolha do destino da viagem. Em alguns casos, escolhemos um destino específico e partimos para a busca das passagens aéreas. Em outros, temos uma ideia abrangente do que queremos – algum lugar com praia ou um tour pela Europa – e pesquisamos as passagens com base em uma lista definida de opções.

1. Pesquisando as passagens aéreas

Em qualquer uma das situações, é essencial se manter atento às oportunidades e fazer suas pesquisas para encontrar as passagens com bons preços.

Para prosseguir com a pesquisa, o primeiro passo é saber quais companhias voam para o destino que você escolheu. Muitos gostam de usar o Ita  Matrix, que é um ótimo buscador do Google, mas ele tem o inconveniente de mostrar algumas tarifas que não encontramos nem nos sites das agências nem nos das companhias, o que te obriga a procurar uma agência física para tentar a compra. A pesquisa precisa ser feita dia a dia, pois muitas companhias não têm voos diários. Se for verificar ida e volta, selecione várias combinações para ter certeza que nenhuma empresa ficou de fora. Outra alternativa é usar metabuscadores como Kayak e Skyscanner, eles são bem interessantes, porém utilizam dados em cache, isso muitas vezes faz com que eles exibam tarifas que não estão mais disponíveis.

2. A hora certa de comprar

Já sabe quais companhias pesquisar? É hora de por a mão na massa e acompanhar os preços! A tarefa é mais fácil usando um buscador, que mostra os preços de todas as companhias em cada data. Mas se você preferir pode fazer sua busca direto no site de cada companhia aérea. Alguns são ótimos, outros são péssimos!

Vamos ao primeiro grande segredo para encontrar passagens baratas: saiba a hora certa de fazer a compra! As companhias aéreas a todo momento tentam convencer o consumidor de que quanto maior a antecedência da compra melhor e muitos acreditam nisso. Mas não é verdade! Nós acompanhamos o preço das passagens dia após dia e percebemos que comprar com muita antecedência pode ser tão ruim quanto comprar em cima da hora.

Saiba como comprar passagens aéreas baratas ou em promoção

Para saber a hora certa de comprar, o primeiro passo é saber a época em que você vai viajar. A alta temporada é a pior época para se encontrar passagens. Ela inclui o mês de dezembro, em especial a segunda quinzena, janeiro, julho e todos os feriados. Também locais de eventos, por exemplo, festa junina em partes do Nordeste, Natal Luz em Gramado ou o mês de agosto para a Europa e Estados Unidos (férias der verão por lá). Se vai viajar na alta temporada, pode esperar preços mais salgados. Nesse caso, o ideal é comprar voos nacionais com antecedência de 60 a 90 dias e internacionais de 60 a 120 dias antes da viagem.

Se vai viajar em qualquer outra época do ano, a baixa temporada permite mais promoções e melhores ofertas de voos, hotéis e restaurantes, já que com menos gente viajando o preço também cai. Neste caso, as passagens nacionais podem sem compradas de 25 a 40 dias e as internacionais de 30 a 60 dias antes da data de embarque.

Esses prazos não são fixos: já divulgamos promoções de passagens com dois anos de antecedência e para voar na semana seguinte, mas nossa experiência mostra que se a pessoa pesquisar nos períodos que citamos aumenta consideravelmente as chances de encontrar uma promoção ou pagar mais barato.

3. Flexibilidade

O segundo grande segredo para economizar com passagens aéreas é a flexibilidade. Ter datas definidas limita muito a possibilidade de encontrar uma grande pechincha ou aproveitar uma promoção. Esse é um dos motivos pelos quais é importante começar o planejamento da viagem pelas passagens e não pela hospedagem.

Sua viagem é nacional: terças, quartas e quintas-feiras são campeãs de preços baixos. Para voos internacionais a diversidade de companhias dificulta fazermos uma regra, mas em pouco tempo pesquisando um determinado trecho você começa a perceber que a empresa X gosta de colocar os melhores preços aos sábados enquanto a Z mantém a mesma tarifa todos os dias e assim por diante.

Como já dissemos, a flexibilidade diz respeito também ao destino. Você pode estar sonhando com Natal, mas achar um preço arrasador para Fortaleza, por exemplo. Pode ainda alterar sua cidade de entrada na Europa para aproveitar uma promoção de passagens aéreas – mas só faça isso se for para incluir mais uma cidade em seu roteiro.

4. Regras das passagens aéreas

Uma coisa importantíssima para todos os que planejam uma viagem aérea é conhecer as regras daquela passagem. Os bilhetes aéreos são diferentes entre si, e o que determina essa diferença são as classes ou famílias tarifárias. As companhias oferecem passagens com várias classes e geralmente o que muda é a possibilidade remarcar a data ou cancelar a viagem, o número de milhas que a passagem oferece e outros benefícios, como a possibilidade de marcar a poltrona antes. Quanto mais benefícios, mais cara a tarifa.

Por essa lógica, as passagens promocionais geralmente são as mais restritas. Muitas não oferecem a possibilidade de reembolso nem alterações de datas e itinerários, outras até permitem, mas cobram taxas altas para quem quiser. Estas regras estão disponíveis no site da companhia aérea ou da agência online onde a passagem é oferecida e vale dar uma olhada com cuidado antes de fechar a compra. Só não se assuste com as restrições, pois a grande maioria das pessoas viaja na data para a qual comprou a passagem, mesmo que ela ofereça a possibilidade de alterações.

5. Franquia de bagagem

Ainda com relação à regras, se você for voar saindo do Brasil terá sempre direito a uma bagagem com até 23 kg em voos nacionais e para a América do Sul e a duas bagagens de 32 kg para voos intercontinentais, tanto na ida quanto na volta. Isso vale para o voo do Brasil para o país escolhido e voos internos que tenham sido comprado juntos – por exemplo, de São Paulo a Nova York, com conexão em Miami, o voo interno de Miami a NY terá a mesma franquia.

Saiba como comprar passagens aéreas baratas ou em promoção

Se você comprar passagens para voos que não saiam do Brasil, fique atento à franquia oferecida pela companhia aérea. Algumas oferecem apenas a possibilidade de levar uma bagagem de mão. Nesse caso, o melhor é contratar o excesso de bagagem pelo site, pois costuma ser bem mais barato.

Clique aqui para comentar

Deixar uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque

Topo